adplus-dvertising

Para que serve a cirurgia do freio labial?

Para que serve a cirurgia do freio labial?

Frenectomia é um procedimento cirúrgico muito simples realizado quando se deseja remover o freio labial. Muitos médicos e dentistas acreditam que o freio labial é responsável por manter os dentes separados e, portanto, indicam este procedimento.

Quando é indicado a Frenectomia?

Frenectomia é o nome dado à retirada do freio labial ou lingual, a qual é indicada somente para aquelas pessoas que possuem excesso dessa estrutura em uma dessas regiões. Pode ser feita tanto na parte inferior da boca quanto na superior.

O que acontece se o freio da língua rasgar?

A própria movimentação da língua pode causar alguma úlcera no freio lingual por conta da extensão do movimento da musculatura, geralmente irá retornar ao normal em poucos dias, porém procure um profissional da odontologia para melhor avaliação e talvez indicação para frenectomia lingual.

O que é freio no dente?

Na arcada superior, o tecido que conecta a gengiva ao lábio é chamado de freio labial. Se o tecido for anormalmente largo ou longo, ele pode se conectar ao tecido gengival entre os dentes e se estender até a parte frontal do céu da boca.

O que é Frenectomia freio?

Frenectomia é a designação atribuída a uma pequena cirurgia que consiste em cortar e remover o freio, que é uma “prega” fina de tecido fibroso (tipo membrana), presente na boca.

Quando se usa o freio de burro?

Conhecido popularmente como “freio de burro”, esse modelo é recomendado para crianças e adolescentes em fase de crescimento e desenvolvimento de dentes e ossos em formação. Funciona como um direcionador do maxilar e da mandíbula, prevenindo problemas futuros.

Para que serve a Mentoneira?

Mentoneira. A mentoneira é um recurso utilizado em pacientes que apresentam um acentuado deslocamento para frente da mandíbula (o que se conhece como prognatismo mandibular) e atua mudando a direção do crescimento e deslocamento dessa base ósssea.

Como usar o aparelho móvel?

O que é aparelho móvel? Aparelho móvel: O que é? Então, o aparelho móvel nada mais é do que o aparelho ortodôntico que pode ser removido, sendo apenas encaixado e retirado dos dentes de acordo com a vontade do paciente. Com isso, é preciso que ele colabore e tenha responsabilidade em relação ao uso.

Para que serve cada tipo de aparelho?

Eles são indicados para pessoas que precisam de mais movimentação dos dentes, onde inclinações indesejadas são impedidas. Já os aparelhos dentários móveis ou removíveis são aqueles que podemos colocar e tirar quando quisermos.

Quais são as cores mais bonitas de aparelho?

Quais são as cores dos aparelhos dentários?

  • Mais discretas, as cores claras, como transparente, branco, amarelo e os tons claros de rosa, azul e verde ficam bonitas para quem tem os dentes bem brancos. ...
  • Azul marinho, verde escuro, roxo e preto são as cores mais escolhidas entre os adultos.

Quais os tipos de aparelho dentário?

Quais os tipos de aparelho ortodôntico?

  1. Aparelho fixo metálico. Trata-se do tipo mais comum de aparelho, caracterizado pela presença de fios, bandas e bráquetes. ...
  2. Aparelho fixo estético. ...
  3. Aparelho autoligado. ...
  4. Aparelho lingual. ...
  5. Alinhadores transparentes. ...
  6. Expansor palatino. ...
  7. Aparelho móvel. ...
  8. Aparelho extrabucal.

Qual o primeiro passo para colocar aparelho Ortodontico?

O primeiro passo para colocar o aparelho é o preparo da boca. O dentista, além de promover uma limpeza profunda, deve fazer a aplicação do ácido fosfórico, que promove uma maior porosidade do esmalte, facilitando a fixação dos bráquetes.

O que é a documentação para colocar aparelho?

Documentação Ortodôntica é um conjunto de exames (radiografias, fotografias intra e extra-bucais, modelos em gesso das arcadas dentárias, análises cefalométricas e de modelos computadorizadas) cuja finalidade é proporcionar uma visão abrangente do paciente, permitindo maior detalhamento e entendimento do caso pelo ...

Pode colocar aparelho só na parte de baixo?

Segundo a ortodontista, quando há uma má oclusão dentária, por exemplo, o tratamento deve ser realizado em toda arcada. Ou seja, o profissional terá que instalar o aparelho fixo nos dentes de cima e de baixo. Mas, em casos mais leves, essa técnica pode ser aplicada em apenas uma parte do sorriso.