adplus-dvertising

Qual a importância do período refratário absoluto?

Qual a importância do período refratário absoluto?

Período Refratário Durante a fase de repolarização, a capacidade da célula cardíaca responder a um novo estímulo depende do seu estado elétrico. Período Refratário Absoluto: a célula está totalmente despolarizada e por isso não pode responder a nenhum tipo de estímulo.

O que acontece com o nível Extra-celular de K+ quando a bomba na +- K+ está mais ativa?

Enquanto isso, a concentração de K+ é mais alta dentro da célula do que no ambiente extracelular. Nessa situação, naturalmente, o Na+ entra na célula e o K+ sai da célula, por difusão. Isso porque os solutos tendem a se manter em equilíbrios de concentração.

O que é um processo ativo?

é Neste processo, as substâncias são transportadas com gasto de energia, podendo ocorrer do local de menor para o de maior concentração (contra o gradiente de concentração). Esse gradiente pode ser químico ou elétrico, como no transporte de íons.

Qual é o papel da ATPase?

As ATPases ou adenosinatrifosfatases constituem uma classe de enzimas que catalisam a decomposição do trifosfato de adenosina (ATP) em adenosina difosfato (ADP) e um íon de fosfato livre.

Qual é a principal característica do transporte ativo?

Transporte ativo O transporte ativo ocorre com gasto de energia e, assim como na difusão facilitada, ocorre com a ajuda de proteínas carreadoras, que são denominadas de bombas. Diferentemente da difusão, no entanto, o transporte ocorre contra o gradiente de concentração.

Em que consiste o fenômeno de osmose?

O fenômeno da osmose acontece quando colocamos duas substâncias em contato com uma membrana semipermeável (ou parede porosa) entre elas, ocorrendo, assim, a difusão do solvente de uma substância para a outra de modo espontâneo. Não pare agora... ... A osmose é um fenômeno muito comum no cotidiano.

O que diferencia o transporte passivo da osmose explique?

O Transporte passivo não tem gasto de ATP (energia), e tem 3 tipos: Osmose, Difusão e Difusão Facilitada. Já o Transporte ativo tem gasto de ATP, e o exemplo mais conhecido é: Bomba de sódio e potássio.