adplus-dvertising

Quem pode ministrar curso de boas práticas?

Quem pode ministrar curso de boas práticas?

A Instituição de Ensino de graduação ou de nível técnico somente poderá ministrar os Cursos de Capacitação através dos ministrantes aprovados pelo Setor de Alimentos da Divisão de Vigilância Sanitária do Centro Estadual de Vigilância em Saúde.

Qual a validade do curso de manipulação de alimentos?

1 - O Curso Básico de Manipulação de Alimentos terá validade de 02(dois) anos, devendo ser renovado, após o referido prazo; II - Os estabelecimentos devem dispor dos Certificados de Capacitação do Curso dos manipuladores de nível fundamental e médio, expedidos pelo Orgão responsável pelo Curso.

O que é curso de manipulação de alimentos?

O curso capacita os participantes nas boas práticas de manipulação, abordando os seguintes temas: doenças transmitidas por alimentos, higiene e saúde dos funcionários, qualidade da água e controle integrado de pragas, qualidade sanitária na manipulação de alimentos e Procedimentos Operacionais Padronizados para ...

O que faz a vigilância sanitária municipal?

"Entende-se, por vigilância sanitária, um conjunto de ações capaz de eliminar, diminuir ou prevenir riscos à saúde e de intervir nos problemas sanitários decorrentes do meio ambiente, da produção e circulação de bens e da prestação de serviços de interesse da saúde, abrangendo: o controle de bens de consumo que, direta ...

O que são boas práticas para serviços de alimentação?

O que são Boas Práticas? São práticas de higiene que devem ser obedecidas pelos manipuladores desde a escolha e compra dos produtos a serem utilizados no preparo do alimento até a venda para o consumidor. O objetivo das Boas Práticas é evitar a ocorrência de doenças provocadas pelo consumo de alimentos contaminados.

Quais são as boas práticas na manipulação de alimentos?

Boas práticas na manipulação de alimentos

  • Eliminar Doenças Transmitidas por Alimentos – DTA;
  • Aproveitar o máximo de nutrientes presentes no alimento;
  • Garantir as condições higiênico-sanitárias do alimento preparado e a conformidade dos alimentos com a legislação sanitária;
  • Garantir a qualidade dos alimentos;
  • E principalmente, satisfazer os seus clientes!