adplus-dvertising

Para que serve cada vidraria de laboratório?

Para que serve cada vidraria de laboratório?

As vidrarias de laboratório são utensílios de vidro usados para análises, separação de misturas, reações e testes. O béquer, o erlenmeyer e o tubo de ensaio são exemplos. ... Esse tipo de vidro não reage com a maioria das substâncias usadas em laboratório e pode ser submetido ao aquecimento direto ou indireto sem quebrar.

O que é um funil de vidro?

No caso do funil de vidro ou funil simples, sua função geralmente é a transferência de substância de um recipiente para outro ou a separação de elementos que acontece por meio de um papel filtro que é apoiado no funil de vidro. ...

Quais vidrarias são mais precisas?

A pipeta volumétrica, a bureta e o balão volumétrico são as vidrarias que possuem um grau mais elevado de precisão e exatidão quando comparadas com equipamentos como a proveta e a pipeta graduada.

É utilizado na preparação de soluções?

No preparo de soluções as vidrarias utilizadas são a pipeta volumétrica ou a pipeta graduada e o balão volumétrico, este último possui um traço de aferição situado no gargalo, que determina o limite da sua capacidade. Quando o líquido atingir o traço de aferição, observa-se a formação de um menisco.

Como limpar as vidrarias?

Caso precise esfregar a vidraria, utilize uma escova própria para vidro, com água quente e sabão, enxaguando abundantemente em água corrente; Para limpar buretas de laboratório, é preciso utilizar sabão e água quente, enxaguando a vidraria em água corrente e repetindo o processo de três a quatro vezes.

Quais são os materiais volumétricos?

Materiais volumétricos são vidrarias de laboratórios onde os mesmos não podem ser aquecidos para suas matérias não se delatarem com o aquecimento e assim interferir na suas medidas. Sendo assim, essas vidrarias consistem em vidros mais finos na sua composição.

Qual é o procedimento correto para aparelhos volumétricos?

balão volumétrico ao transferir um líquido para um balão use um funil. Essa operação deve ser realizada em etapas: homogeneize a mistura que está sendo preparada, agitando o balão; a última porção de líquido deve ser acrescentada gota a gota. Para a medição, o menisco deve estar na altura dos olhos.

Como deve ser feita a aferição do menisco?

A superfície do líquido assume uma forma curva, a que chamamos menisco. A medida correta é efetuada pela parte de baixo do menisco. Se você olhar para a figura acima, colocando os olhos ao nível do menisco (posição em que a foto foi tirada), poderá fazer uma leitura correta de 18 ml.

Como usar o balão volumétrico?

A aferição do balão volumétrico é feita no gargalo e para concentrações definidas com um volume único e fixo que é descrito no próprio balão. O balão volumétrico jamais deve ser utilizado para aquecer substâncias, pois o calor irá distorcer o vidro e mudar seu volume calibrado, e a temperatura de referência é 20ºC.

Como é realizada a calibração de uma pipeta volumétrica?

A calibração da pipeta volumétrica é feita pela pesagem da quantidade de água que dela é escoada. Mede-se a temperatura da água utilizada na calibração e verifica-se o valor de sua densidade nesta temperatura (Tabela 2). ... V = m/d (1) Onde o volume é dado em mL, a massa é dada em gramas (g) e a densidade em g mL-1.